segunda-feira, 4 de abril de 2011

Viajo pra outro mundo,
Eu e você, sozinhos.
Pôr-do-sol, dia lindo!
Que pena, era só sonho.

Mas ainda acredito em nós,
Ainda quero continuar, quero tentar...
Quero sumir, e te levar.

Tudo que precisava era ficar sozinho..
Mas me pego pensando em nós dois
E vejo que só o que eu quero é você.
Agora e depois.

Não quero que seja pra sempre,
É sem graça e acaba logo.
Só quero que seja nós dois.
Agora. Outrora....
Depois.

domingo, 20 de março de 2011

Are you afraid?



Todas as coisas obedecem um ciclo.
Tem um começo, um meio e um fim.
As vezes nos perdemos em meio à esse ciclo.
Parece fácil, parece simples. Mas compreendê-lo é a maior dificuldade do ser humano.
Somos todos movidos por sonhos, por desejos.
Que, às vezes, são maiores que a nossa própria existência.
E o único obstáculo entre o sonho e a realização
É o medo de sonhar.
O medo de desejar com todas as forças de nosso ser
É a única coisa que nos impede de obter êxito.
Contentar-se com pouco, acomodar-se
Nos deixa cada vez mais distantes da realização.

sexta-feira, 11 de fevereiro de 2011

Medo do desconhecido

Eu só não vejo sentido nessa vida morna, que, de certa forma, nos impede de viver, no sentido amplo da palavra. Eu não vejo motivos para se temer, para temer o desconhecido. Com isso, você só se mostra fraco, se mostra ambíguo

quarta-feira, 2 de fevereiro de 2011

O Fracasso

Como se fosse óbvio o fracasso, deixamos passar tantas chances pelos dedos,
É como se a nossa suposta certeza nos impedisse de seguir em frente, de ser feliz.
E eu creio que esse seja um dos piores problemas nas pessoas: A certeza do fracasso.
E daí se fracassarmos vez ou outra?
E daí se as coisas não são como nos contos de fadas?
Temos que aprender a lidar com os altos e baixos, ser felizes da nossa própria maneira, sem esperar um padrão.
Temos que nos arriscar, que buscar algo tão profundamente, que isso acabe se tornando realidade.


Os gestos mais fortes e profundos, vêm de onde menos esperamos.
às vezes não é necessário sequer uma palavra.


As palavras mais sábias e confortantes, são ouvidas mesmo no silêncio,
às vezes sequer precisamos escutar.


As provas mais difíceis, podem ser aquelas que nos levarão mais alto,
basta olhar ao seu redor.


Então arrisque! Tente construir a sua vida não pelo que você acredita, pelo que escutou...
CONSTRUA sua vida da forma que lhe agrade,
Não deixe que leis, padrões e afins te limitem.

Me abrace

Me abrace. Continue me abraçando, até que me sufoque em você.
Me sufoque. Continue me sufocando até que não haja vestígios de quem fora um dia.
Me deixe. Mas não me deixe só. Me deixe ir, mas não me deixe.
Me ame. Como quem ama um amigo, como quem ama um irmão. Mas não me ame. Me deixe.